NEA desenvolve oficina de clowns e faz apresentação teatral em Indaiatuba

Oito integrantes do NEA (Vivian Françosi, Rogério Silva, Gabriel Nunes, Luísa Angelina, Davi Nunes, Susana Frescura, Renata Amorim e Indianara Constantino) participam neste sábado, 14 de abril, do “XXII Mês do Teatro Espírita de Indaiatuba”, promovido pelo Centro Espírita Paz, Luz e Amor e da Companhia de Artes Paluarte, em Indaiatuba, na região de Campinas, Estado de São Paulo. A caravana neana apresentará as peças “Viva a Vida!” e “A incrível história da mediunidade” e desenvolverá a oficina técnica “Em busca do seu próprio clown”, aberta a evangelizadores e interessados da região.

O evento acontece na sede do Centro, na Rua Romário Capóssoli, 80, Jardim Itamaracá. Iniciou no sábado passado, dia 7, e encerra no dia 28, com vários grupos teatrais e musicais convidados. A cada sábado uma peça é encenada, sempre às 20 horas. Porém, antes, às 19h30, também ocorre apresentação musical.

Neste sábado (14), além da Trupe dos Clowneanos, a Cia. Paluartes apresentará um pequeno esquete entre as duas peças do NEA, e o Grupo vozes do Amanhã, de Campinas, abrirá a noite artística.

Aproveitando a presença no evento, o NEA desenvolverá à tarde, às 17 horas, a oficina técnica com o tema “Em busca do seu próprio clown”. O trabalho, já apresentado no AME, no Rio de Janeiro, no Enarte, em São Paulo, e no Intercâmbio de Trabalhadores da Arte Espírita, em Porto Alegre, inicia com uma performance cênica seguida de alguns exercícios teatrais voltados à formação do personagem clown, uma apresentação em PowerPoint abordando alguns aspectos sobre a origem, os tipos e os princípios clownescos, e finaliza com a construção, pelos próprios participantes, de cenas ou esquetes com os personagens criados.