NEA participa do "Mês do Teatro Espírita de Indaiatuba"

Mais uma vez o NEA cumpriu agenda interestadual e apresentou seu trabalho fora de Santa Catarina. Foi no dia 14 de abril, quando oito integrantes (Vivian Françosi, Rogério Silva, Gabriel Nunes, Luísa Angelina, Davi Nunes, Susana Frescura, Renata Amorim e Indianara Constantino) participaram do “XXII Mês do Teatro Espírita de Indaiatuba”, promovido pelo Centro Espírita Paz, Luz e Amor e pela Companhia de Artes Paluarte, daquela cidade paulista. Durante o evento, os neanos desenvolveram uma oficina de clowns e apresentaram as peças “Viva a Vida!” e “A incrível história da mediunidade”.

A caravana neana desembarcou no aeroporto de Viracopos, em Campinas, às 13h50, sendo recepcionada pelos amigos Fátima, Anderson e José, e imediatamente foi conduzida ao local do evento, o Teatro Paluarte, na vizinha Indaiatuba, onde a aguardava um saboroso almoço. Mais tarde, às 16h30, devidamente incorporados no espírito clownesco, os integrantes do NEA iniciaram a oficina técnica com o tema “Em busca do seu próprio clown”, da qual participaram em torno de 20 pessoas, entre crianças a adultos.

O evento propriamente iniciou à noite, às 19h30, com apresentação do Grupo Vozes do Amanhã, de Campinas, que presenteou o expressivo público presente com seis músicas de seus dois últimos CDs.

Na sequência, o NEA apresentou as peças “Viva a Vida!” e “A incrível história da mediunidade”. Entre elas, porém, houve espaço para o pequeno esquete “Cáritas”, da Cia. Paluarte, além das homenagens ao Centro Espírita Paz, Luz e Amor, pelo seu aniversário de 30 anos de fundação, comemorados naquele mesmo dia. O cerimonial da noite foi conduzido pelo membro da Abrarte, Júlio Cesar Nunes.

O “Mês do Teatro Espírita” iniciou no dia 7 de abril, e encerra no dia 28, sendo realizado sempre aos sábados, com vários grupos teatrais e musicais convidados. O evento acontece no Teatro Paluarte, sede do Centro Espírita Paz, Luz e Amor, na Rua Romário Capóssoli, 80, Jardim Itamaracá.

Aos queridos amigos da instituição, nossos agradecimentos pela acolhida e pelo carinho demonstrados.